Sobre | O Show | Membros da Banda


Canção Visionária é o primeiro disco do cantor e compositor Léo Brasil. No palco, um rock surrealista... progressivo e repentista; na veia tropicalista, forjado entre o blues e o sambaião....

O Cantor e compositor, Léo Brasil atua na cena musical de Belo Horizonte e se prepara para lançar seu primeiro disco, intitulado Canção Visionária. A Obra traz canções autorais em que é notável a influência da música brasileira e urbana universal.

Ao longo de sua carreira, Léo Brasil dividiu o palco com diversos artistas da música Brasileira, como o cantor Zeca Baleiro, Maurício Tizumba, Grupo Amaranto, Pereira da Viola e participou de festivais como Música do Mundo, I Mostra de música IberoAmericana, II Festival Andando de Bem com a Vida, Festival de Inverno de Diamantina/MG, 8º Encontro Cultural de Milho Verde/ MG, III Fórum das Aguas, dentre outros.


“...Trago na minha Canção Visionária um cantar lírico político metafísico, de caráter irreverente reverente, transcendente do presente a futuros afluentes... tudo, numa fusão rítmica de influência tropicalista (Mpblues progressivo repentista), entrelaçado em miltons que vão nascendo, num rock seixado de além e Jorge Bem, temperado de barão e legião, forjado do fogo revolucionário do baião...” (Léo Brasil).

O disco apresenta um repertório diversificado que transita entre o rock, sambafunk e o baião. O grupo é composto por Alberto Magno (Contrabaixo), Marcílio Rosa (Guitarra e direção musical), Max Robson(Bateria e percussão), Renato Savassi (Flauta e bandolim), Rodrigo Salvador(rabeca,violão e backs), Leo Brasil (Violão, voz, gaita e direção artística) e contou com a participação de Kadu Vianna (Preparação Vocal), grupos São Doidão e Meninas de Sinhá, Pedro Morais, Pereira da Viola, Denti e Helder Araújo, músicos de notável qualidade técnica e destaque no cenário musical de Minas Gerais.


Alberto Magno (Contrabaixo), Marcílio Rosa (Guitarra, violões e direção musical), Max Robson (Bateria e percussão), Mario Lúcio Lemos Rios (caixa de folia, djambê, triângulo, cajón, bloco sonoro, payás e etc) Renato Savassi (Flauta e bandolim), Leo Brasil (Violão, voz, gaita e direção artística) e contou com a participação de Kadu Vianna (Preparação Vocal), grupos São Doidão e Meninas de Sinhá, Pedro Morais, Pereira da Viola, Denti e Helder Araújo.




Canção Visionária - Léo Brasil